15/02/2019

sexta-feira

Postado as 17:56

< Voltar

Sugestões turísticas para os participantes do XXVIII Encontro Nacional do CONPEDI – Goiânia

Para contribuir junto à programação de viagem dos participantes do XXVIII Encontro Nacional  e para não perder essa oportunidade, de conhecer a bela cidade goiana, capital de Goiás, o CONPEDI e o PPGDP – UFG prepararam algumas dicas turísticas e de lugares imperdíveis!

 

ATRATIVOS TURÍSTICOS EM GOIÂNIA E REGIÃO

1) Parque Estadual da Serra de Jaraguá
Jaraguá é um Município do Estado de Goiás. Nele situa-se o Parque Ecológico da Serra de Jaraguá. É um Município emancipado de Pirenópolis e se inclui na microrregião de Anápolis, no Vale do São Patrício, conhecido por seu patrimônio histórico e cultural, sendo uma das cidades mais antigas do Estado e por ser considerada o maior polo de confecção da região Centro-Oeste do Brasil.
Na região é possível fazer trilhas a pé ou de bike, saltar de asa delta dentre outras aventuras que envolvam grandes altitudes.

Distância: 125 km de Goiânia (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI CLIQUE AQUI.

2) Fazenda Babilônia
Trata-se de um delicioso passeio no qual é possível saltar no tempo, diretamente para o Ciclo do Ouro em um Goiás que já não existe. Construída no final do século XVIII, a Fazenda Babilônia é tombada pelo IPHAN como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Suas construções, totalmente preservadas, proporcionam um dos mais reconhecidos roteiros de turismo temático da região. Logo na entrada da fazenda, o cenário com muros de pedras, construídos pelos escravizados, já fornecem uma amostra da grandiosidade de toda sua história.
Em seu interior toda estrutura da edificação está fielmente preservada. São várias salas com objetos e utensílios da época, distribuídos harmonicamente. Neste ambiente, cercado pela magia do tempo, está a encantadora capela dedicada à Nossa Senhora da Conceição.
No varandão, é servido o mais famoso Café Sertanejo do Centro-Oeste, com iguarias inigualáveis, preparadas com receitas coloniais passadas de geração a geração. Para que os visitantes usufruam de uma gastronomia única, todo preparo busca a máxima fidelidade àquela época em que as distâncias eram medidas com queijo e rapadura, e a fartura na mesa era regada a uma boa e alegre prosa.
Vale lembrar que todos os pratos são preparados no momento da chegada à fazenda, garantindo assim o sabor e a qualidade de todos os itens. Para melhor atendimento, é necessário o agendamento com antecedência.

Distância: 102 km de Goiânia (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

 

3) Santuário de Vida Silvestre Vagafogo
O Santuário de Vida Silvestre Vagafogo é uma Reserva Particular do Patrimônio Natural, criada em 1990 para promover a educação ambiental, o ecoturismo e a produção sustentável de alimentos.
A reserva possui uma linda e acessível trilha interpretativa de 1.500m, onde as inúmeras árvores centenárias e a mata ciliar que margeia o rio Vagafogo possibilita a interação com a fauna, flora e a observação de pássaros. No decorrer do percurso encontra-se: piscina natural de águas límpidas para refrescantes banhos, pequena cachoeira, área destinada a contemplação, bancos, mesas e tablados de madeiras (decks). O Santuário oferece também: vasta biblioteca, gazebo, redário, área de recreação infantil, aventuras (arvorismo, rapel, tirolesa e pêndulo), além de uma incrível experiência gastronômica – o brunch.
São mais 45 itens, produzidos artesanalmente ali mesmo, na fazenda, a partir da produção sustentável de frutas do cerrado, e produtos feitos a partir delas: geleias, chutneys, pães, frutas desidratadas e cristalizadas, tomates secos, biscoitos, lácteos, carnes, entre outros. Ainda é possível optar pelas deliciosas porções disponíveis e dos sucos de frutas da estação. Uma viagem gastronômica cheia de descobertas e combinações que você só encontrará na Reserva Vagafogo.

Distância: 131 km de Goiânia (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

4) Cidade de Goiás ou Goiás Velho
A Cidade de Goiás é conhecida carinhosamente pelo nome de Goiás Velho, a antiga capital do Estado foi fundada no Ciclo do Ouro e retrata o período colonial brasileiro de uma maneira muito particular, razão pela qual é Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. O traçado urbano é um exemplo do desenvolvimento de uma cidade mineira com as adaptações às condições do local, como os limites impostos pelo Vale do Serra Dourada e o Rio Vermelho. Entre suas manifestações culturais destaca-se a Procissão do Fogaréu, que recebe visitantes de todo o País. A cidade também é muito conhecida pela poetisa Cora Coralina. Sua casa se tornou um museu bastante visitado. Para quem gosta de visitar belas igrejas, a Cidade de Goiás é o local certo. Possui, ainda, opções de cachoeiras e rios para os visitantes se refrescarem, bem como uma deliciosa culinária com os melhores empadões, bolinho de arroz e outros sabores imperdíveis no Mercado Municipal.

Distância: 147 km de Goiânia (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

5) Trindade
Trindade é um Município brasileiro do Estado de Goiás, região Centro-Oeste do país. Pertence à mesorregião do Centro Goiano e à microrregião de Goiânia e localiza-se a oeste da capital do estado, distando desta cerca de 16 km. Com uma área de aproximadamente 719 km², é o 8º mais populoso do estado goiano, com 125 328 habitantes segundo estimativas de 2018.
Localizada no centro de Goiás, Trindade surgiu do extinto município de Campinas que, em 1909, tinha como distrito Barro Preto. Após sua fragmentação, em 1920, muda-se de nome em homenagem à história dos garimpeiros Ana Rosa e Constantino Xavier, casal que encontrou uma medalha com a ilustração do Divino Pai Eterno, na mesma região em que se situa, atualmente, o Santuário Basílica, templo o qual atrai cristãos à cidade durante a Festa do Divino Pai Eterno.
É importante destacar que a principal intenção de quem vai à cidade é ver de perto a grandiosidade do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno. Então, saiba que quase tudo em Trindade gira em torno do comércio de lembrancinhas ou de atrativos religiosos. As atrações da região são: participar das celebrações no Santuário Basílica; conhecer a Igreja Matriz de Trindade-GO; assistir a uma peça no Cine Teatro AFIPE; fazer compras nas feirinhas nos arredores do Santuário; visitar a Vila São Cottolengo; fazer o passeio de Bondinho; percorrer a Via Sacra; provar as comidas típicas de Goiás; passar pelo Portal da Fé; visitar o Museu da Memória de Trindade.

Distância: 32 km de Goiânia (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

6) Cel da OAB
O CEL da OAB-GO possui ampla infraestrutura para a prática esportiva: um campo de futebol oficial, com moderno sistema de iluminação; três campos de futebol society; quatro quadras de tênis; três quadras de peteca; uma quadra poliesportiva; duas quadras de vôlei de areia; uma piscina olímpica (50 x 21 m); duas pistas de skate; uma pista de cooper e ciclismo (1.672 m); academia e salão de jogos com mesas de sinuca, pingue-pongue e pebolim.
O parque aquático do CEL é composto por uma piscina olímpica (50 x 21 m), duas piscinas para adultos, uma piscina infantil com playground, duas saunas e vestiários. A estrutura do clube também oferece às crianças parque infantil, brinquedoteca e berçário. Os advogados e seus familiares contam ainda com sala de leitura, coreto, quiosques com churrasqueira, restaurante, bares, lago de pesca, pomar, reserva ambiental e diversos jardins.

Distância: 18 km de (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

7) Caldas Novas
Caldas Novas é um Município brasileiro do Estado de Goiás. O Município é conhecido por ser a maior estância hidrotermal do mundo, possuindo águas que brotam do chão em temperaturas que variam de 43° a 70°. A principal fonte de renda do município é o turismo. Na alta temporada, a cidade chega a comportar mais de 500 mil turistas.
A estrutura da cidade conta com hotéis, pousadas, chalés, clubes, boates e bares. Uma outra grande atração de Caldas Novas é o ecoturismo, vez que a cidade se encontra às margens do lago da represa de Corumbá e ao lado da Serra de Caldas.
Todos os anos, mais de 3 milhões de turistas visitam Caldas Novas, considerada a maior estância hidrotermal do mundo. Possui centenas de piscinas com águas termais em seus hotéis e clubes, que atraem turistas de todo o País.

Distância: 171 km de Goiânia (partindo da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

8) Rio Quente
O Rio Quente Resorts, antiga Pousada do Rio Quente, é um paraíso de águas quentes naturais com uma das maiores praias artificiais do mundo, para as pessoas relaxarem e se divertirem. Um espaço onde se tem conforto, lazer e diversão.
A beleza exótica, o clima sempre ameno e a rica fauna e flora juntam-se às insuperáveis fontes de águas termais e transforma o Rio Quente Resorts, antiga Pousada do Rio Quente, num lugar realmente único em matéria de prazer e sensações, ideal para se desfrutar do encanto e do fascínio das águas quentes. O Rio Quente Resorts, além de possuir o Hot Park, um dos maiores parques aquáticos do Brasil e a Praia do Cerrado, maior praia artificial em águas quentes naturais do mundo, possui uma das localizações mais centrais do país. Distância: 178 km de Goiânia (partido da Praça Universitária).

Distância: 178 km de Goiânia (partido da Praça Universitária).
Mais informações: CLIQUE AQUI

 

TURISMO DENTRO DE GOIÂNIA

Parques e Bosques:

Parque Lago das Rosas 
O Lago das Rosas é o parque mais antigo da capital, criado na década de 40. Seu nome se deve à um jardim de rosas que havia no local antes da construção do parque, além da art déco e suas construções tombadas pelo IPHAN. O parque abriga uma vasta quantidade de espécies de plantas e é excelente pedida para um piquenique. Nele você encontra uma biblioteca, área destinada a yoga e o zoológico da capital.
Endereço: Entre a Alameda das Rosas e a Avenida Anhanguera.    

Praça Cívica
Começar pela Praça Cívica (que está sendo revitalizada) é começar pelo começo das andanças da capital goiana. Primeira praça de Goiânia, inaugurada em 1933, foi oficialmente batizada de Praça Cívica Doutor Pedro Ludovico Teixeira e é considerada o marco inicial da construção da cidade. Nela, se encontra o Palácio das Esmeraldas (todo em art déco), residência oficial do governador de Goiás, sendo o ex-governador Pedro Ludovico Teixeira o primeiro morador do Palácio. Na Praça Cívica está também localizado o moderno Palácio Pedro Ludovico, centro administrativo do estado. A praça abriga também o Museu Zoroastro Artiaga e em seu centro se localiza o Monumento às Três Raças.

Parque Flamboyant
Situado em uma das áreas mais nobres de Goiânia, o parque flamboyant é uma boa pedida para quem gosta de esportes e não abre mão de uma caminhada ao fim da tarde. Com grande área para caminhada, pista para ciclismo, dois lagos e parque infantil.
Endereço: Entre as Ruas 15,12, 46, 55, 56 e a Avenida H. 

Parque Vaca Brava
O nome Vaca Brava é uma referência a uma das três fazendas que foram as áreas utilizadas na construção da cidade, o parque contém um lago, chafariz, pista de cooper, diversas lojas, restaurantes, e o conhecido Goiânia Shopping.
Endereço: Entre as Avenidas T-5, T-10, T-13, T-15 e T-66.

 Bosque dos Buritis                                                                                       
Local de bastante visitação, o Bosque dos Buritis é o mais antigo patrimônio paisagístico de Goiânia. Cercado por árvores, e plantas rasteiras. E conta com três lagoas articifiais abastecidas pelo córrego Buriti e por vários canais subterrâneos. Em uma delas está o maior jato d’água da América do Sul. Área de 124.800 metros quadrados.
Endereço: Entre as Ruas 1 e 29, Avenida Assis Chateaubriant e Alameda dos Buritis, Setor Oeste. 

Feiras:

Feira Hippie
A maior e mais tradicional de todas as feiras da cidade. São mais de 6 mil expositores e oferece de produtos artesanais, comida e moda.
INFOS: Aos domingos das 7 às 14 horas ao lado da rodoviária de Goiânia.

Feira do Sol
A charmosa feira toma conta da praça de mesmo nome, no Setor Oeste, aos domingos. O visitante encontra desde bichinhos de estimação, quitandas, obras de arte a roupas e acessórios.
INFOS: Aos domingos das 16 às 20 horas na Praça do Sol, Setor Oeste.

Feira da Lua
Segunda maior feira ao ar livre de Goiânia, a famosa Feira da Lua bomba aos sábados e atrai gente de todas as partes e classes sociais. É possível encontrar roupas e acessórios de boa qualidade com preços bem acessíveis. Vale deixar um espaço para se deliciar nas banquinhas de comidas do lugar. Pra gourmet nenhum botar defeito.
INFOS: Aos sábados das 17 às 22 horas na Praça Tamandaré, Setor Oeste.

Feira do Cerrado
Daquelas feirinhas obrigatórias que todo turista deve conhecer. O forte do lugar são os produtos da terra, artesanato, comida típica e apresentações culturais. Programão do domingo de manhã.
INFOS: Aos domingos das 7 às 14 horas ao lado do Estádio Serra Dourada, Jardim Goiás.

Feira Cora Coralina
Os mais tradicionais doces da culinária goiana têm endereço certo neste endereço que, apesar de esquecido pelo poder público, ainda guarda o charme da rua que nunca passa carro – daí o nome.
INFOS: Aos sábados das 8 às 13 horas na Rua 8 (Rua do Lazer), Centro.

Feira do Entardecer
A primeira das feiras especiais que movimentam os finais de semana do goianiense acontece no entardecer de sexta-feira. Diferente das demais, esta ocupa um espaço coberto, denominado Cepal do setor Sul.
INFOS: Às sextas-feiras das 16 às 21 horas no Cepal da Rua 115, Setor Sul

Mercadões:

Mercado Central
O maior e mais tradicional da cidade com 161 lojas. Destaque para os produtos artesanais e as empadas que lotam as banquinhas do local. Colado nele fica o Restaurante Bologna com tradição de 40 anos servindo massas caseiras.
Endereço: Rua 03, nº. 322, Centro. Telefone: 3524-1324

Mercado de Campinas
72 lojas dos mais variados segmentos. Destaque para os produtos artesanais e alimentação.
Endereço: Rua Benjamin Constant, esq. c/ Av. São Paulo, n.º 429, Setor Campinas. Telefone: 3524-2472

Mercado Popular da Rua 74
O pequeno notável do tradicional Bairro Popular (continuação do Centro) se revela uma boa opção para o público que busca ainda mais contato com a cultura local. Destaque para o Pub e Pastelaria do Meu, há 50 anos no mesmo local e eleito pelo público Curta Mais como o melhor pastel da cidade.
Endereço: Rua 74, n.º 329, Setor Central. Telefone: 3524-1111

Museus:

Centro Cultural Oscar Niemeyer
Parada obrigatória para quem curte arquitetura, cultura e lazer. Tudo junto e misturado no Centro Cultural Oscar Niemeyer que já se consolidou como o principal palco de shows nacionais, exposições de arte, ponto de encontro de esqueitistas e patinadores. 
Endereço: Avenida Deputado Jamel Cecílio, 4490, Quadra Gleba, Lote 1 – – Setor Fazenda Gameleira. Telefone: (62) 3201-4901

Beco da Codorna
O Beco da Codorna é um dos maiores do Centro de Goiânia e sedia várias atividades artísticas e culturais, como: curtas metragens, ensaios fotográficos, gravação de videoclipes musicais, além de ter a maior galeria a céu aberto. Um dos destaques do Beco hoje é a Upoint, a primeira galeria de Goiânia dedicada à arte urbana e que nos finais de semana o funciona como bar. É um lugar perfeito para quem quer admirar os grafites e aproveitar a cidade!
INFOS: O horário de funcionamento é de terça a sexta-feira das 10h às 18h, no sábado das 10h às 20h e domingo das 14h às 20h.

FONTE: Curta Mais
Post original: https://bit.ly/2a95AuM